Normas gerais das eleições municipais de 2020 e da propaganda eleitorais foram debatidas na manhã de hoje, dia 28, durante reunião que contou com a participação do Ministério público, por meio da promotora Eleitoral Andréa Ariadna Santos Correia. Promovida pela 179ª Zona Eleitoral sob a coordenação do juiz Eduardo Padilha. A reunião contou ainda com a presença de representantes das coligações, partidos políticos e autoridades locais. A reunião tratou também das normas de segurança epidemiológica que devem ser respeitadas por conta da pandemia da Covid-19.

No encontro, a promotora de Justiça Andrea Ariadna destacou a importância do respeito às normas que visam preservar a saúde dos eleitores, pedindo “bom senso durante os atos de campanha”. Andréa Ariadna falou ainda sobre questões ligadas ao processo eleitoral e a responsabilidade dos candidatos quanto á prática de abusos e desrespeito à legislação eleitoral. O magistrado Eduardo Padilha também pediu ponderação e equilíbrio para evitar a judicialização de demandas, em virtude do desrespeito às normas. O juiz afirmou também que o diálogo é a base de tudo, mas frisou que “não se furtará a atuar firmemente, nos casos de abusos, notadamente se verificada a exposição a risco à saúde da população em casos de desrespeito às regras de segurança epidemiológica”. Cecom/MP

Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
FanPage
Publicidade
LM NO YOUTUBE

O que publicamos hoje,
diretamente no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.

Para se inscrever, entre ou crie uma Conta LM gratuita.

Entre em nosso grupo do WhatsApp!