Os desembargadores Lourival Almeida Trindade e Cynthia Maria Pina Resende empataram nas votações para a presidência do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), ocorrido no plenário da Corte, nesta quarta-feira (04/11). Cada um magistrado teve 26 votos. Segundo informações, ainda hoje, será realizada a segunda votação, apenas com os dois concorrentes.
Nesta eleição, o desembargador Carlos Roberto Santos Araújo obteve apenas 2 votos. No total, 55 desembargadores comparecem à sessão e votaram. Ainda Nesta quarta-FEIRA acontece a votação para 1º e 2º Vice-Presidente, Corregedor Geral de Justiça e Corregedor das Comarcas do Interior. O TJ-BA informou que os desembargadores José Olegário Monção Caldas e Maria da Graça Osório Pimentel Leal desistiram de disputar a presidência da Corte, depois de decisão do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) contrária à participação dos magistrados no pleito.
A eleição foi suspensa, no dia 19 de novembro, depois da Operação Faroeste, que investiga um suposto esquema venda de sentenças no Tribunal. A investigação afastou cinco magistrados, incluindo o então presidente do TJ-BA, Gesivaldo Britto.

Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
FanPage
Publicidade
LM NO YOUTUBE

O que publicamos hoje,
diretamente no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.

Para se inscrever, entre ou crie uma Conta LM gratuita.

Entre em nosso grupo do WhatsApp!