Câncer de pulmão é o mais fatal entre os homens, revela INCA

Câncer de pulmão é o mais fatal entre os homens, revela INCA

Foto: Reprodução

                               Foto: Reprodução

 

O câncer de pulmão é o tumor maligno que mais mata entre os homens. Cerca de 80% dos casos é em função do consumo de derivados do tabaco, como o cigarro. Em 2013, o câncer de pulmão foi responsável por 24 mil óbitos, de acordo com informações do Instituto Nacional do Câncer (INCA).  A taxa de mortalidade entre as mulheres também aumentou de forma significativa, passando de 4,57 mortes/100 mil em 2000 para 8,60 mortes/100 mil, em 2013. No mesmo período, a taxa nos homens saiu de 10,07 mortes/100 mil e alcançou 16.12 mortes/100 mil. Salvador é a capital com menor número de fumantes do Brasil Agora, esse tipo de câncer tem crescido também entre as mulheres, fato que preocupa a comunidade médica. Segundo a oncologista do Instituto de Oncologia AMO/Hospital da Bahia, Aknar Calabrich, podemos entender o aumento dos novos casos pelo fato das mulheres terem começado a fumar mais a partir dos anos 80 e o elevado número das fumantes. “Embora percebamos um aumento progressivo de pacientes não fumantes que estão desenvolvendo o câncer de pulmão”, disse Calabrich. “Fumar narguilé é como fumar 100 cigarros”, diz campanha de combate ao fumo

Principais sintomas

Poluição do ar, infecções pulmonares de repetição, deficiência e excesso de vitamina A e exposição a certos agentes químicos também influenciam bastante como potenciais causadores da doença. A oncologista alertou para os principais sintomas que podem sinalizar o câncer de pulmão: tosse persistente, falta de ar e perda de peso são os principais, além da presença de secreção sanguínea.  “É importante a consulta médica nesses casos, porque se trata de um câncer silencioso, cujo diagnóstico, normalmente, é feito com a doença já em estágio avançado”, frisa Aknar.

Dengue, Zica e Chikungunya. Vamos combater esses inimigos

Dengue, Zica e Chikungunya. Vamos combater esses inimigos

Foto: Ilustrativa

                                   Foto: Ilustrativa

 

O mosquito Aedes Aegypti transmite a Dengue, Chikungunya e Zica.

O período chuvoso iniciou, temos que assumir nossa responsabilidade, cuidando da saúde da sua família e da comunidade.

Todos unidos no combate ao Aedes Aegypti  mosquito da “Dengue”.

lm dengue

 

 

Árbitro recusa camisa de Neymar

Árbitro recusa camisa de Neymar

Foto; Divulgação

                                  Foto; Divulgação

Falta total de orientação da CBF e acreditar que uma partida das Eliminatórias vale menos do que jogo do Campeonato Espanhol. Tivesse Neymar, o capitão da Seleção Brasileira, o mínimo de conhecimento, não passaria por uma cena constrangedora.

Assim que terminou a partida contra os peruanos, em Salvador, não caminharia em direção ao árbitro José Hernando Buitrago. E tentaria oferecer sua camisa ao colombiano que apitava sua última partida como juiz da Fifa, já que tem 45 anos, idade limite para a entidade.

Ele balançou a cabeça e se afastou. Neymar tomou um susto. Não sabia nem como agir de tanto constrangimento. Puxou a camisa de volta e a entregou, com raiva, a um dos roupeiros da Seleção.

Muitos jornalistas e torcedores passaram a elaborar mil teses. A principal: Buitrago teria ficado magoado com as reclamações e palavrões que ouviu do capitão da Seleção, a quem brindou com um cartão amarela.

Nada disso.

Eliminatórias são o início formal da disputa da Copa do Mundo da Rússia. É absolutamente proibido para os árbitros receberem qualquer presente das seleções envolvidas nos jogos. Não era um amistoso que Brasil e Peru jogaram. Foi uma partida com consequência na classificação ou não dos países para o próximo Mundial.

Não tem cabimento Neymar desconhecer algo tão básico.

Basta imaginar a cena. Na partida de volta, os argentinos vencem o time de Dunga, digamos em Fortaleza. E ao final do confronto, Messi dá sua camisa ao juiz, em pleno gramado. Seria um escândalo internacional de grandes proporções. E com razão de ser.

No Campeonato Espanhol, Neymar mal olha para os juízes após os jogos.

A atitude simpática, ingênua do brasileiro comprometeria o colombiano.

Diante da negativa correta do árbitro, o jogador ficou sem graça, irritado.

A imagem do que se passou corre o mundo.

Neymar é uma das maiores estrelas do futebol do planeta.

O constrangimento não deveria ser para o jogador.

Mas para a CBF, para o coordenador de Seleções, Gilmar Rinaldi.

Para o técnico Dunga. Alguém tem de explicar como as coisas funcionam ao capitão do Brasil.

Jogo das Eliminatórias da América do Sul é muito importante.

A boa intenção se transformou em algo constrangedor.

O juiz poderia até citar na sua súmula a oferta.

Ficaria até pior.

Tudo isso à toa.

Por pura falta de orientação.

E amadorismo que domina a CBF.

A incompetência é generalizada…

https://youtu.be/OkYCu_VLEVc

Dunga faz avaliação positiva de 2015 e aponta: ‘Estamos crescendo’

Dunga faz avaliação positiva de 2015 e aponta: ‘Estamos crescendo’

Foto: Ulisses Gama / Bahia Notícias

                   Foto: Ulisses Gama / Bahia Notícias

 

Com a vitória sobre o Peru por 3 a 0 na noite desta terça-feira (17), na Arena Fonte Nova, a seleção brasileira encerrou a temporada de 2015. Comandante da equipe, Dunga fez um balanço do ano e avaliou positivamente os seus comandados. “O ponto positivo é nós insistirmos com a escola brasileira que é a do drible, criatividade. A equipe aos poucos vai se encaixando. Mudamos alguns jogadores, mas a equipe continuou jogando bem e compacta”, analisou o treinador. Dunga, que exaltou a força da torcida baiana durante a entrevista coletiva, acrescentou que a tendência é a melhora do escrete canarinho. “Todos nós falavamos da dificuldade que seriam as Eliminatórias e estamos crescendo. A tendência é melhorar e buscar a nossa classificação”. Com o triunfo, o Brasil chegou ao terceiro lugar do certame, com sete pontos. A próxima partida nas Eliminatórias será dentro de casa contra a seleção uruguaia, no dia 24 de março de 2016.

Monteiro e Sítio Novo são Semifinalistas do Ruralzão 2015

Monteiro e Sítio Novo são Semifinalistas do Ruralzão 2015

cats

Para reverter a vantagem contra o Monteiro neste domingo, (15), o Nado de Cima apoiado por sua torcida partiu para o ataque, mas sem sucesso. O Monteiro mais uma vez, fez valer o mando de campo, e manteve sua invencibilidade dentro de sua Arena, vencendo a partida por 1 x 0. O gol saiu no final do jogo, em um contra ataque, Márcio Leandro foi o garçom para o artilheiro cruz maltino Betinho, que só teve o trabalho de escorar de cabeça e correr para o abraço. Com o gol, Betinho chegou a 10 gols no campeonato, assegurando o Monteiro como um dos semifinalistas do Ruralzão 2015. Na outra partida, entre Nado de Baixo e Sítio Novo, o torcedor assistiu a um jogo emocionante. O Nado tomou a iniciativa e foi pra cima, pois precisava tirar uma vantagem de dois gols. Com várias oportunidades, logo no início da partida, mas o arqueiro Tony em uma tarde feliz não permitiu que o Nado fizesse o gol. Na etapa complementar, o Nado de Baixo abriu o marcador, mas com a força e o apoio da sua fanática torcida o Sítio Novo conseguiu o empate e logo em seguida, a virada, com um belo gol de Josimar de fora da área. Com a Arena lotada e cantando sem parar, a torcida do Sitio Novo comemorou a classificação para a semifinal na casa do adversário. A LDL agradece a presença do Secretário de Educação Sebastião Fernandes e do Secretário de Governo Webister Meira e ao Torcedor Livramentense por ter proporcionado mais uma festa nas comunidades interioranas.

Campeonato Rural: Uma emoção a cada jogo.

Organização: Liga Desportiva Livramentense

Apoio: Secretaria de Esportes, Câmara de Vereadores, Polícia Militar e Federação Bahiana de Futebol.

Realização: Prefeitura Municipal de Livramento