Guarda Municipal de Canarana é morto a tiros, carro usado no homicídio é incendiado por criminosos
Operação Fortuna cumpriu oito mandados de prisão temporária na Bahia
Morte de animais domésticos por envenenamento deixa moradores da Rua do Fogo indignados

O chefe da Guarda Municipal do município de Canarana – BA, identificado como Fabrício Rocha Dourado, foi assassinado em plena luz do dia em uma praça publica da cidade. Conforme informações da 14ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior – Coorpin, Rocha foi alvejado por disparos de arma de fogo durante suas atividades de rotina. O homicídio aconteceu na manhã do último domingo (28), por volta das 10:00h.
Ainda segundo informações, três homens chegaram ao local do crime em um automóvel modelo Ecosport, de cor branca, um dos elementos que efetuou os disparos. O agente chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. As causas do homicídio são desconhecidas, mas a Polícia Civil já abriu inquérito para investigações.
Câmeras de segurança registraram o momento da ação delituosa, as filmagens vão ajudar nas diligências da polícia. Após matar o guarda, os criminosos fugiram e tocaram fogo no carro que foi usado na ação delituosa. O veículo foi abandonado em uma área de mata.

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

O Ministério Público estadual, por meio do Grupo Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), deflagrou na última sexta-feira (26) em conjunto com a força-tarefa da Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP) de Combate a Grupos de Extermínio e Extorsões e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) a ‘Operação Fortuna’, que resultou na prisão em flagrante de uma pessoa. Também foram cumpridos oito mandados de prisão temporária, sendo sete contra policiais militares e um policial civil. Além disso, foram cumpridos 18 mandados de busca e apreensão nos Municípios de Itabuna, Ilhéus, Itacaré, Ibirapitanga, Gandú, Serra Grande, Ubatã, Uruçuca, Ubaitaba, Ipiaú, e Vitória da Conquista.

No total, foram apreendidos 28 folhas de cheque totalizando mais de R$ 1,5 milhão e R$ 2,5 mil em espécie, 11 aparelhos celulares do tipo smartphone, dez pistolas e um revólver, 150 munições, um tablet, três pendrives, um colete balístico sem número de série e um cofre lacrado.

Também participaram da operação promotores de Justiça que atuam na área criminal no Município de Itabuna e cerca de 160 policiais. O trabalho conjunto visou desarticular uma organização criminosa acusada de praticar diversos crimes de homicídio, com intimidação coletiva e possíveis recebimento de valores, em ações que caracterizam atividade de milícia.

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

Moradores da Rua do Fogo, em Livramento de Nossa Senhora, estão preocupados com o aparecimento de animais mortos na comunidade. Nos últimos dias pelo menos três gatos e um cachorro foram encontrados sem vida. Na última sexta-feira (27) fomos informados por um morador sobre a morte dois felinos. A suspeita é de que os animais tenham sido envenenados. Está sendo uma prática quase rotineira.
Segundo um homem que não quis revelar sua identidade, ele e uma vizinha saíram em busca de dois gatos, ambos acabaram encontrando os animais mortos. Os donos dos bichinhos estão indignados com esta ação delituosa do suposto matador (a), que segue em frente praticando a execução dos animais, que é intolerável.
Como o ser humano tem a coragem de comprar um veneno, manipular, planejar e de forma covarde e violenta dar para os animais dóceis e indefesos ingerirem. O caso tem que ser investigado pelas autoridades do município, para que medidas cabíveis sejam aplicadas ao criminoso (a). Na Lei Federal de Crimes Ambientais a prática de ato de abuso, maus tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos, nativos ou exóticos é penalizado com detenção de três meses a um ano e multa.

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

Foto: Ailton Oliveira / Livramento Manchete

Uma guarnição do PETO da Polícia Militar lotada na 46ª CIPM realizou a prisão de um homem na manhã do último sábado (27), por volta das 07:00h, em cumprimento de mandado de busca e apreensão no Distrito de Ibiajara, em Rio do Pires. Segundo informações passadas ao site Livramento Manchete, os militares localizaram o individuo de 30 anos de idade, no local de trabalho, ele foi identificado pelas iniciais R. A. A. Durante a busca e abordagem foi encontrado um revólver .38 com 18 munições intactas e 03 deflagradas.
Ainda de posse do homem, foram apreendidos uma quantia em dinheiro no valor de R$ 9.425,25 e uma motocicleta modelo Bros 160, de cor azul, licenciada em Monte Azul – MG. O infrator e todo material apreendido fora encaminhados a Delegacia de Polícia do Rio do Pires, onde foram adotadas as medidas cabíveis.

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

Um homicídio foi registrado na manhã desta sexta-feira (26), na Avenida Antônio Mourão Guimarães, em Brumado. A vítima identificada como Jamelle Santana da Cunha, de 24 anos, foi morta a tiros em plena luz do dia e em via publica. Uma equipe do SAMU 192 foi acionada para prestar os primeiros socorros ao jovem, ao chegar ao local foi constatado o óbito. Uma guarnição da Polícia Militar da 34ª CIPM registrou a ocorrência e acionou o DPT – Departamento de Polícia Técnica da cidade. O corpo de Santana foi encaminhado ao IML – Instituto Médico Legal daquela cidade. Ainda não há informações sobre as causas do crime e nem tampouco quem são os autores da ação delituosa. A Polícia Civil da 20ª Coorpin de Brumado deve abrir inquérito para investigar o homicídio.

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

A enfermeira Maria Angélica de Carvalho Sobrinho, de 53 anos, se soma aos mais de 655 mil baianos diagnosticados com Covid-19. Ela foi a primeira pessoa a ser vacinada contra a doença na Bahia, no dia 19 de janeiro, mas contraiu a doença antes de receber a segunda dose.

Segundo a infectologista Ceuci Nunes, Angélica receberia a dose de reforço na última terça-feira (16), mas entre os dias 12 e 13 de fevereiro ela começou a sentir os sintomas do coronavírus. “Ela está bem, está usando pouco oxigênio, mas quando se movimenta fica um pouquinho desconfortável, por isso ela está sendo mantida ainda no hospital”, contou a médica, em entrevista ao Jornal da Manhã desta terça-feira (23). Ela é diretora-geral do Instituto Couto Maia, unidade de referência no tratamento de doenças infectocontagiosas e onde Maria Angélica está internada.

Durante a entrevista, a médica esclareceu que para ocorrer a imunização a pessoa precisa receber as duas doses da vacina e respeitar a “janela imunológica”, como é chamado o período que o organismo precisa para reagir ao imunizante, produzindo os anticorpos contra a doença. De acordo com Ceuci, no caso da vacina contra a Covid-19, se está considerando uma janela de cerca de 20 dias.

Maria Angélica foi vacinada com a Coronavac, vacina com eficácia geral de 50,38%, o que significa que no grupo de pessoas testadas, metade não contraiu a doença. Entre aqueles que tiveram o coronavírus, 78% foram casos leves e dentro do grupo que desenvolveu a doença, ninguém ficou em estado grave ou faleceu.

Segundo a infectologista, quando estiver com a saúde restabelecida, Maria Angélica poderá tomar a segunda dose, mesmo após o prazo estipulado de até um mês para receber a dose de reforço. “Vacina não perde a primeira dose. A gente sempre vai fazer a complementação do esquema. Angélica, na época certa, depois que ela estiver muito bem, ela vai tomar a segunda dose e não repetir o esquema de duas doses”, esclareceu a médica. Com esse caso, ela ressalta a importância da vacinação junto à manutenção das medidas de proteção e distanciamento até que 60% ou 70% da população esteja imunizada.

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
BOM PASTOR
FanPage
Publicidade
YOUTUBE
cATEGORIAS